segunda-feira, 12 de março de 2018

O pior primeiro - administrando a rotina doméstica


Nossa missão para administrarmos nosso lar não é uma missão fácil ou sem valor, embora muitas pessoas queiram nos fazer acreditar nisto. Já cansei de ouvir comentários do tipo: "Ah, então você não trabalha, fica só em casa?" ou "Menina que absurdo você desperdiçar seus dons ficando apenas em casa". Minha amiga, se você também administra seu lar com certeza já deve ter ouvido algo assim ou quem sabe até pior.

E de certa forma pensar sobre isso foi o que me trouxe ao tema principal da postagem de hoje: Comece pelo pior.

Somente nós, donas de casa, sabemos como a nossa rotina é desafiadoramente desgastante e repetitiva. Contudo, sabemos também que as coisas precisam ser feitas para que transformemos a cada dia nossa casa em um lar. Para a maioria de nós não existe muitas escolhas sobre fazer determinadas tarefas e outras não fazer porque não gostamos delas. Fato!

Acredito que já compartilhei aqui a tarefa doméstica que considero a pior: lavar banheiro 😝 mas minha querida amiga, infelizmente minha lista não para por aqui, existem outras pequenas tarefas que se eu realmente pudesse passaria para frente sem fazê-las (descongelar e limpar minha geladeira e limpar as grades do fogão são alguns exemplos - nada que uma geladeira frost free e um fogão de indução não resolvam - fica a dica pro marido caso ele leia a postagem de hoje 😄).

E foi assim que protelando essas atividades o máximo que eu conseguia e me irritando cada vez que tinha que fazê-las, que Deus trouxe um precioso aprendizado ao meu coração através do Livro Uma Mulher segundo o Coração de Deus da autora Elizabeth George. Nesse livro ela fala sobre começar a colocar ordem em nossa casa pela pior tarefa.

Quando começo o dia sabendo que é dia de lavar o banheiro, tenho duas escolhas: ficar chateada e murmurar por ter que fazê-lo e ir protelando ao máximo até o final do dia o que certamente fará com que meu dia fique azedo até a tarefa ser finalmente feita ou escolher começar o dia lavando logo o banheiro e eliminando a pior tarefa para mim. Isso produzirá em meu coração alegria e leveza pois ao terminar de organizar o banheiro posso dizer: Agora ficou mais fácil, já fiz o pior!

Percebeu como começar pelo pior pode transformar seu dia? Sempre existirão tarefas que não gostamos tanto para ser feitas mas quer gostemos delas ou não precisamos fazê-las, então nossa atitude em relação a elas podem mudar todo nosso dia.

E para você querida amiga, qual a pior tarefa para fazer em sua lista de tarefas domésticas? Como você faz para realizá-las? Aprender sobre começar pelo pior pode te ajudar? Conte pra mim aqui nos cometários vai ser uma alegria trocarmos ideias juntas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você pensa é importante para nós. Deixe aqui seu comentário.

Postagens relacionadas