terça-feira, 18 de julho de 2017

Tudo começa em você


Todo casal procura desenvolver um casamento feliz e duradouro. Sempre vamos encontrar pessoas dispostas a comprarem livros e revistas que estampam nas manchetes de suas capas: como ter um casamento feliz em 10 passos ou Construa um casamento forte em dez dias.

De verdade, não acredito nisso. Aqui mesmo no Blog já escrevi artigos que mencionam alguns pontos importantes que certamente quando colocados em prática estarão sim ajudando na construção de um casamento duradouro, mas não espere conseguir isso em dez dias, dez semanas ou dez meses.

Um casamento feliz e duradouro é construído todos os dias. 

E não existe fórmula mágica, não existe receita de casamento perfeito, não existem atalhos. O que existe são duas pessoas comprometidas em fazer com que seu casamento dê certo apesar das dificuldades que irão surgindo no caminho.

E lendo a Bíblia, meu coração parou observei uma citação do apóstolo Paulo que me mostrou o ponto de partida de todos os dias na construção de um casamento abençoado. Leia:

"Esta afirmação é fiel e digna de toda aceitação: Cristo Jesus veio ao mundo para salvar os pecadores, dos quais eu sou o pior." 1 Timóteo 1:15 - grifo meu

Percebe o que isto quer dizer?

Paulo estava reconhecendo a graça salvadora de Cristo em sua vida denominando-se alguém que era inferior aos demais pecadores. E esse é o ponto de partida na construção de um casamento abençoado: reconheça que a pior pessoa é você.

Difícil, não?

Somos rápidos em apontar os defeitos do outros e no casamento então ...

Por esta razão, se adotarmos a postura de saber que para o casamento ser melhor é preciso transformar a mim mesmo e não ao outro certamente começaremos a colher melhores frutos.
Não estou dizendo com isto que seu cônjuge não precise mudar. Todos nós precisamos. Mas a grande questão é que jamais conseguiremos mudar qualquer pessoa além de nós mesmos.

Conheço casais onde o marido era considerado pela esposa um "banana" (aquele homem que não faz nada, não toma decisões acerca de nada). Mas sabe o que descubro ao começar o aconselhamento? Na verdade aquele homem simplesmente  cansou ou se acomodou a uma esposa mandona e que não sabe esperar que ele tome as decisões. Então é necessário ensinar a esposa a recuar um passo e permitir que seu marido exerça a autoridade que lhe é devida.

Precisamos reconhecer que em muitas situações o nosso próprio comportamento está sabotando o nosso casamento. Excesso de ciúme muitas vezes esconde baixa estima, a falta de desejo de um dos cônjuges permanecer mais em casa está por trás de um lar onde não há acolhimento, uma esposa que não demonstra interesse por sexo pode estar relacionado a um marido verbalmente agressivo ou que não valoriza as emoções da esposa, e assim a lista pode continuar.

Pare um pouco e reflita por alguns instantes sobre seu casamento. O que você gostaria que fosse diferente? O que tornaria seu casamento melhor?

Agora comece a trabalhar neste ponto, a partir de você.

Veja o que é possível fazer para tornar esse ponto do seu casamento melhor mudando primeiramente suas ações e comportamento sobre esse assunto. Desta forma com certeza a cada dia estará dando um passo a mais na construção de um casamento feliz e duradouro.

Em Cristo,
Susi    

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você pensa é importante para nós. Deixe aqui seu comentário.