terça-feira, 13 de dezembro de 2016

5 comportamentos que podem destruir seu casamento


Muitas vezes não nos damos conta de que certos comportamentos podem definitivamente arruinar nosso casamento. Por alguma razão algumas pessoas possuem certos tipos de comportamento que muitas vezes foram adquiridos do meio em que foram criadas e agem de forma a acreditar que esse tipo de comportamento é normal. Então depois que entram no casamento começam a perceber que seu relacionamento não flui e não sabe onde está o erro.

Hoje vamos abordar 5 desses comportamentos que podem levar o casamento ao fim caso não sejam eliminados da rotina de vida do casal.

A mentira. Infelizmente a maioria de nós cresce tendo um conceito um tanto equivocado sobre a mentira. Muitos de nós ouvimos de nossos pais que mentir é errado mas nos mandavam dizer ao telefone que eles não estavam em casa. Assim construímos um conceito de que existem "mentiras e mentiras". Errado! Mentira é mentira, não importa o tamanho, não existe o que muitos chamam de mentiras socialmente aceitáveis. A mentira é danosa em qualquer área de nossa vida e muito mais ainda no casamento onde a transparência deve ser primordial. Nenhum casamento sobrevive a mentiras. A verdade sempre foi, é e será libertadora. Seja verdadeira(o) com seu cônjuge ou a mentira destruirá seu casamento.

Raiva não resolvida. A raiva é um termômetro que é acionado quando fomos feridos de alguma forma. A raiva pode ser manifestada de diferentes maneiras de acordo com cada indivíduo. Por esse motivo, algumas coisas que seu cônjuge faz podem realmente não ser com a intensão de causar raiva em você, mas o fato é que causou. Então a melhor maneira de lidar com a raiva é conversando com o outro e explicando que tal situação lhe deixou com raiva. Outra coisa que devemos observar é que não é a pessoa em si que nos deixa com raiva mas algumas de suas ações ou comportamentos (olha o comportamento aparecendo por aqui de novo). Seja qual for o motivo, deixe suas emoções se acalmarem um pouco (ninguém consegue conversar racionalmente no momento da raiva) e chame seu cônjuge para uma conversa. Raiva não resolvida pode minar seu casamento.

Falar o que as ações não confirmam. Muitos de nós, na verdade a maioria, não são muito bons com as palavras. Porém ao longo da vida (e do casamento) aprendemos que existem algumas frases que necessitam ser ditas. Mas cuidado, as palavras precisam andar de mãos dadas com suas ações ou jamais vão funcionar. Por exemplo:

Dizer "Eu te amo", mas nunca ter tempo para estar com seu cônjuge.
Dizer "Eu quero estar perto de você", então constantemente criticar seu cônjuge quando estão juntos.
Dizer "Eu não tenho interesse em outra pessoa", mas flertar constantemente com outras pessoas quando estão em lugares públicos.

Entendeu? As palavras não falam tão alto quanto suas ações.

Incompreensão. Um dos relacionamentos que mais vai exigir compreensão é o casamento. Na verdade o casamento testa nossa capacidade de empatia (colocar-se no lugar do outro). Não há como um casamento sobreviver se os cônjuges não estão dispostos a buscar compreender o seu cônjuge.  

Não ter tempo para você mesmo. Pode parecer estranho para muitas pessoas mais um dos segredos de um casamento bem-sucedido é dedicar um tempo para você mesmo. Precisamos estar primeiramente bem conosco para podermos oferecer o nosso melhor ao outro. Se você estiver infeliz não há a menor possibilidade de fazer alguém feliz, por isso procure fazer coisas que te façam bem. Claro que existem algumas coisas que após o casamento não podemos mais fazer sem a companhia do nosso cônjuge, mas também existe uma infinidade de coisas que podem ser feitas sem causar dano algum ao casamento. Tire um tempo para cuidar de você - espírito, alma e corpo. Leia a Bíblia e ore (espírito), ouça uma música, tome um chá com as amigas(alma) e vá ao salão ou faça um SPA em casa (corpo).

Observando esses comportamento e eliminando-os, certamente você estará pavimentando um caminho sólido para um casamento bem-sucedido.

Fique com Deus e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você pensa é importante para nós. Deixe aqui seu comentário.