quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Alerta de Deus


Deus tem me chamado bastante a atenção para o uso de minhas palavras por estes dias. Ontem publiquei aqui sobre palavras, sementes e casamento e hoje lendo um trecho do livro de Salmos, Deus mais uma vez me fala ao coração sobre o uso das palavras, e vim dividir sobre isso aqui com você.

"...e Moisés falou sem refletir." Sl 106.33

Mesmo um homem considerado manso pela própria Bíblia (Nm 12.3) fraquejou no seu falar e por conta disso não pode entrar na terra prometida (nm 20.12). Esse é um grande alerta para mim e para você. Quantas vezes falamos sem refletir no efeito que nossas palavras causarão? É melhor nem contar, não é mesmo?

Na verdade, assim como Moisés, a maioria das palavras que falamos irrefletidamente são provenientes de um momento de tensão, raiva ou estresse.

Quantas vezes após um aborrecimento que nosso cônjuge nos causa falamos sem pensar, sem refltir. Coisas do tipo: vou me separar de você ou você não presta para nada .
Simplesmente deixamos que as palavras saiam e derramem toda nossa frustração sobre o outro e no momento nem paramos para pensar o que aquelas palavras podem custar ao outro e a nós mesmos.

Deus não se agrada que façamos uso irrefletido de nossas palavras, ele nos alerta várias vezes ao longo da Bíblia sobre como precisamos vigiar o nosso abrir e fechar da boca.

Como tem sido as palavras que fluem dos seus lábios? Elas tem disso fonte de benção ou maldição?

Não use suas palavras irrefletidamente para não perder a chance de entrar na terra prometida e desfrutar ainda aqui os benefícios de um casamento abençoado e próspero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você pensa é importante para nós. Deixe aqui seu comentário.