quarta-feira, 4 de maio de 2016

Orar em oração - Devocional para casais


"Elias era humano como nós. Ele orou fervorosamente para que não chovesse, e não choveu sobre a terra durante três anos e meio. Orou outra vez, e o céu enviou chuva, e a terra produziu os seus frutos." Tiago 5:17,18


Casamento e oração são duas palavras que deveriam andar de mãos dadas. O casamento traz consigo desafios diários que se apresentados a Deus através das nossas orações certamente venceríamos mais e lutaríamos menos.

Muitos casamentos vão se desgastando por que os cônjuges insistem em travar batalhas com as próprias mão, empenham seus esforços
de maneira errada e focam na pessoa errada. Isso causa desgaste, frustração e os problemas continuam ali, muitas vezes mais fortes e maiores.

A questão fundamental é: qual a importância que vocês como casal tem dado a oração em suas vidas?

Se observarmos o exemplo de Elias vamos perceber que ele orou fervorosamente, a tradução original do texto seria "orou em oração". Mas, o que seria orar em oração? É a oração que fazemos continuamente sem esmorecer diante das dificuldades, é fazer como Elias e colocar a cabeça entre os joelhos(1Rs 18.42) em sinal de que não caminhamos pelo que vemos mas pela fé (2 Co 5.7) no Deus que faz impossíveis. É recusar-se a fitar as circunstâncias que na maioria das vezes não melhoram e continuar orando.

Quantas vezes já ouvi, "depois que comecei a orar as coisas só pioraram". Pode até parecer assim, mas creia Deus está ouvindo suas orações e batalhando suas batalhas enquanto vocês oram.


  • A situação financeira está difícil? Ore. 
  • A saúde está faltando? Ore. 
  • O casamento está em crise? Ore. 
  • Seu cônjuge não partilha a mesma fé que você? Ore. 
  • Sua vida está caminhando perfeitamente? Ore.

Ore, ore e ore.


Se como casal vocês perseverarem na oração logo, logo irão descobrir que a oração feita por um justo muito pode em seus efeitos (Tg 5.16).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você pensa é importante para nós. Deixe aqui seu comentário.