quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Vendendo o amor - Devocional para casais


Fazemos algumas coisas sem sentido na vida não acha?

Gastamos todo nosso tempo e energia para dar a nossa família o melhor, a melhor casa, o melhor colégio, as melhores comidas......

Mas não percebemos que muitas vezes deixamos de ofertar a eles o que é mais importante: nossa presença.

São muitas as esposas que moram em mansões mas estão solitárias, os filhos que tem as melhores tecnologias mas não conseguem ver o pai ou a mãe para uma conversa.
Leia a história a seguir:

Uma menina, com voz tímida e olhos de admiração, pergunta ao pai quando este retorna do trabalho:

– Papai, quanto o senhor ganha por hora?

O pai, num gesto severo, responde:

– Escuta aqui minha filha, não amole, eu estou cansado.

Mas a filha insiste:

– Mas pai, por favor, diga o quanto o senhor ganha por hora?

A reação do pai foi menos severa e respondeu:

– Três reais por hora.

– Então, pai, o senhor poderia me emprestar um real?

O pai nervoso e tratando a filha com brutalidade, respondeu:

– Então era essa razão de querer saber o quanto eu ganho? Vá dormir e não me amole mais.

Já era tarde da noite quando o pai começou a pensar no que havia acontecido e sentiu-se arrependido. Talvez, quem sabe, a filha precisasse comprar algo.

Querendo aliviar sua consciência pesada, foi ate o quarto da menina e, em voz baixa, perguntou:

– Filha você esta dormindo?

– Não pai, respondeu sonolenta a garota.

– Olha, aqui esta o dinheiro que você me pediu, um real.

– Muito obrigado papai, disse a filha levantando-se sorrindo e retirando mais dois reais de uma caixinha que estava sob a sua cama.

– Agora já completei papai, tenho três reais.

E olhando o pai com carinha de sono, entrega o dinheiro para ele dizendo solenemente:

– Papai poderia me vender uma hora do seu tempo?

Lembrem-se as coisas mais importantes o dinheiro jamais poderá comprar. O versículo de Cantares de Salomão 7.8b diz: "...Se alguém oferecesse todas as riquezas da sua casa para adquirir o amor, seria totalmente desprezado." Não vale a pena vender o amor, não vale a pena trocar a companhia de sua esposa ou do seu marido, perder o crescimento dos filhos e trocar por mais algumas horas de trabalho.
Uma das palavras que definem o amor é TEMPO.

Para refletir: Quanto do seu tempo vocês tem dedicado um ao outro como casal? E aos seus filhos?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você pensa é importante para nós. Deixe aqui seu comentário.