quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Esposa submissa? - Mulheres com Propósito


Submissão ainda é uma palavra que causa arrepios em muitas mulheres, provavelmente pela forma como foram ensinadas ou pela forma como veem a palavra submissão.

Porém pare para pensar comigo um pouco: quando obedecemos as leis de nosso país o fazemos por submissão a elas, quando obedecemos as leis do trânsito não estamos também nos submetendo a elas? E o que dizer dos chefes e patrões, muitas vezes mesmo sem concordar com eles, você se submete não é verdade?  E cá entre nós, você sabe que se não se submeter a essas regras terá que enfrentar punições certo?

Então por que é tão difícil se submeter ao seu esposo, aquele  que você escolheu para dividir a vida com você?

Muitas mulheres veem a submissão como se Deus as estivesse colocando em um lugar inferior no casamento, mas não é isso que Ele está fazendo. Na verdade quando escolhemos e aceitamos a submissão estamos nos submetendo primeiramente a Cristo pois Ele nos deu o exemplo:

"De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus,Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz." Filipenses 2:5-8

É preciso entender que a submissão é um plano de Deus para nós e que ela não significa ser "capacho" do marido ou deixar que ele pense em tudo e concordar cegamente com tudo que ele faz.

Na verdade o princípio de Deus para submissão é que ambos, marido e mulher, trabalhem juntos, com respeito e oferecendo o máximo de si mesmos em benefício do casamento, por amor a Cristo : 
" Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo." Efésios 5.21

Você já observou que este versículo vem antes do "esposas sejam submissas a vossos maridos"(v 22) e que após este versículo Deus fala da submissão dos filhos aos pais (Ef 6.1-3) e menciona a submissão do empregado ao patrão (6.5-7)?

A questão é que quando você luta para não se submeter ao seu marido na verdade está sendo insubmissas a Deus.

Deus é um Deus de ordem e criou posições a serem observadas para o bom funcionamento dos relacionamentos. Volte em Gênesis  3.16 e veja "[...]Seu desejo será para o seu marido, e ele a dominará". 

Neste trecho das Escrituras Deus deixa claro a ordem hierárquica do casamento: o marido governa.
Não pense que Deus não cobra dele pela responsabilidade dada:
"Maridos, amem suas mulheres, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se a si mesmo por ela,[...]Da mesma forma, os maridos devem amar as suas mulheres como a seus próprios corpos. Quem ama sua mulher, ama a si mesmo." Efésios 5:25, 28

O grande problema é querer focar na responsabilidade do marido em amar você e se eximir da sua responsabilidade de respeitar seu marido se submetendo a ele.

O meu desejo é que você consiga enxergar a submissão como plano original de Deus para o seu casamento e Ele mesmo fará os ajustes necessários em seu marido quando necessários.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você pensa é importante para nós. Deixe aqui seu comentário.